Ótima Hora para Comprar Imóveis

A frequente e recente queda dos juros no Brasil tem atraído mais investimentos através da compra de imóveis.

Quem investe em imóveis ganha tanto na valorização do imóvel quanto na renda do aluguel.

Na última década (2009 a 2019) essa valorização em média foi de 15,3% ao ano, considerando tanto o retorno médio do aluguel, de 5,9% ao ano, como a valorização dos imóveis de 9,4% ao ano.

Na tabela abaixo percebemos que o ganho total do investimento em imóvel de 2009 até 2019 passou um momento de queda significativa, ficando abaixo da poupança a partir do ano de 2015, porém voltou a crescer nos últimos anos.

Tabela Comparativa por Ano (Última Década)

AnoGanho total do investimento em imóvelRendimento da poupançaRendimento do CDI
200926,40%6,30%9,90%
201028,20%6,10%9,80%
201130,80%6,70%11,60%
201217,40%5,50%8,50%
201318,10%5,10%8,20%
201411,00%6,30%10,90%
20155,90%7,10%13,30%
20165,40%7,40%14,00%
20174,10%6,10%10,00%
20184,50%4,30%6,40%
20194,70%4,10%5,90%
Fonte: Abrainc, Fipezap, BC – Valor Investe

Em 2018 o ganho total de investimento em imóvel volta a superar a poupança e assim tem se mantido sendo essa a expectativa, isto é, que essa curva volte a subir.

Observa-se no gráfico logo abaixo o comportamento comparativo na última década entre os três tipos de aplicações:

  • Ganho total do investimento em imóvel
  • Rendimento da poupança
  • Rendimento do CDI

Gráfico comparativo Ano a Ano

Houve uma grande valorização ocorrida nos anos de 2009 a 2014, entretanto houve uma queda acentuada nos anos 2012 a 2015, quando o ganho total do investimento em imóvel ficou abaixo da poupança, isso foi no auge da crise.

Porém de 2018 para 2019 o ganho total em investimento em imóvel voltou a superar a poupança.

Essa superação aliada ao contexto de juros baixos, com Selic hoje (agosto de 2020) na casa dos 2,00% a.a, volta a chamar a atenção dos investidores para compra de imóveis, gerando uma nova expectativa neste tipo de investimento.

Outro motivo que vem aquecendo o mercado é o financiamento bancário mais barato e com prazo mais longo para pagamento aliado ao grande déficit habitacional ainda existente no Brasil.

De toda maneira é bom saber que investir em imóveis não é o mesmo que investir em renda fixa, existem risco.

Entretanto os inventivos do governo com a queda recente dos juros e a superação ocorrida de 2018 para 2019 do ganho total do investimento em imóvel em relação à poupança, apontam para um bom momento para se comprar imóveis.

Os dados dessa publicação foram extraídos de uma publicação do site da Valor Investe e podem ser consultados em mais detalhes no link abaixo.

Fonte: https://valorinveste.globo.com/produtos/imoveis/noticia/2020/07/15/investimento-em-imovel-rendeu-153percent-ao-ano-na-ultima-decada-conclui-abrainc.ghtml